Do estilo de vida para o esporte




Basa apoia a paixão de dois irmãos pelo ciclismo

Este ano, o Basa comemora 79 anos. E, olha, como passou rápido! Tão rápido quanto uma corrida de mountain bike. É isso mesmo! Nesses 79 anos, estivemos presentes apoiando inúmeros projetos especiais. Mas você sabia que também estivemos presentes em grandes campeonatos de ciclismo?  

E essa história merece ser contada. Nossos personagens principais, aliás, são os irmãos Lucas e Marcos Drafahl, que desde crianças foram estimulados por seus pais à prática de esportes, seja natação, judô, tênis de mesa, futebol e jiu-jitsu. Mas foi no ciclismo que eles se encontraram. Naturais de  Ji-Paraná, Rondônia, os irmãos deram início ao ciclismo em 2010 por meio de jogos escolares e, em meados de 2013 e 2014, estrearam  na modalidade speed. No ano de 2015, consagraram-se campeão e vice-campeão estaduais em mountain bike.  

Entre todos os pódios e conquistas que marcaram a carreira dos irmãos, duas competições foram feitos inéditos para o estado de Rondônia. Na Copa Internacional de Mountain Bike, realizada em São Paulo, na categoria expert, em 2018, Marcos ficou em sexto lugar; e Lucas, em nono. A  participação no Brasil Ride em 2019 na categoria dupla pro, em São Paulo/Ilhabela, também foi marcante para a dupla. Lá, ficaram em terceiro lugar, nessa prova que é  considerada uma das maiores da América Latina.

E após tantas corridas, literalmente, o apoio do Basa veio no melhor momento. Lucas e Marcos participaram do edital de patrocínio e, em 2019, foram contemplados com esse apoio superespecial. Uma conquista fundamental para que pudessem participar do Campeonato Estadual de Rondônia na categoria elite,  no qual se consagraram quinto e sexto lugares na geral do campeonato. Foi o primeiro ano dos irmãos correndo nessa categoria. 

Mas essa história não acaba aqui. Gratidão é a palavra mandatória na vida desses jovens, hoje, com 23 anos. Com tantas histórias para contar, Lucas e Marcos realizaram palestras e ações sociais em Ji-Paraná para alunos do ensino fundamental sobre a importância do esporte e, principalmente, do ciclismo. E para coroar esse ciclo, sortearam duas bikes em escolas que participaram ativamente do projeto dos irmãos. 

Para o Basa, essa não é mais uma história que encerra um capítulo dessa longa jornada de 79 anos de muito trabalho, é apenas o começo de um ciclo virtuoso. Apoiar o ciclismo é dizer sim para a natureza e para a vida, já que a prática esportiva ajuda na diminuição da poluição do ar, contribui no combate ao sedentarismo, ajuda na redução de estresse, diminui o risco de depressão, entre outros fatores prejudiciais à vida.

E claro, o meio ambiente agradece, já que a bicicleta demanda pouca matéria-prima para a sua construção. E para nós é um prazer incentivar essa mudança de mindset, para que cada um tome consciência da sua importância como protagonista de uma nova maneira de viver no planeta.

Ah! Lucas e Marcos também deixaram um recado para o Basa em comemoração aos 79 anos: 

“Nós desejamos felicitações ao banco, que tem acreditado na região amazônica e suas riquezas”.



POSTS RELACIONADOS